3

Reafirmando o compromisso de manter a instituição promotora de inclusão social, tendo a qualidade como condição primordial e sob uma administração democrática, dialógica e participativa, tomou posse na manhã desta terça-feira, dia 21, em Brasília, o monteirense professor Vicemário Simões, como reitor da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

Quando discursando, o novo reitor da UFCG defendeu a promoção da cidadania, valorização das pessoas e o exercício pleno da autonomia universitária, assegurando buscar todas as condições para o cumprimento da carta programa – o plano de trabalho refletido e elaborado para sua gestão e do professor Camilo Farias, vice-reitor, nos próximos quatro anos.

Vicemário Simões solicitou ao ministro da Educação, Mendonça Filho, a recomposição do orçamento da universidade e a reposição, com expansão, dos seus quadros – docentes e técnico-administrativos – e afirmou ser imperativo que o MEC busque as condições para retomar o processo de construção do hospital universitário de Cajazeiras,  visando a formação de novos profissionais, e lembrou que recursos consideráveis já foram investidos na confecção do projeto executivo.

O reitor também pediu atenção especial à assistência estudantil – ampliação de restaurantes, residências e bolsas permanência -, e aos serviços de terceirização – que impactam o orçamento, reduzindo a capacidade de investimentos.

Participaram da solenidade, o ex-reitor Edilson Amorim, o vice-reitor Camilo Farias, o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, e o deputado federal Rômulo Gouveia.

Vicemário Simões

O professor Vicemário Simões foi vice-reitor e secretário de Planejamento da UFCG,  pró-reitor de Ensino na gestão de Thompson Mariz, membro do colégio estatuinte e coordenador setorial de Assuntos Comunitários, da antiga Pró-Reitoria para Assuntos do Interior da UFPB.